vendredi 6 avril 2012

Centre Georges Pompidou - Beaubourg

O Centre National de Culture Georges-Pompidou (CNAC) chamado carinhosamente de Beaubourg foi inaugurado em 1977. O Beaubourg é um espaço de arte moderna e contemporânea. É um local que busca o diálogo entre as diversas formas de arte.

Beaubourg é um edifício com projeto dos arquitetos Renzo Piano e Richard Rogers. Inaugurado em 1977, com sete andares, ele tem espaço para biblioteca - mídiateca, livrarias, brinquedos para crianças, música com o Instituto de Pesquisa em Acústica/ Música e as salas de exposição.
Todo esse espaço pode ser visitado através da subida pelas escadas rolantes que são visíveis do lado de fora do Beaubourg.
Este museu foi feito com uma estrutura de aço tubular recoberta de vidro. A arquitetura externa e interna do prédio já são uma obra de arte: inovadora e atemporal.

Há também a praça em frente ao Beaubourg e quando se entra no prédio estamos em um tipo de pátio-praça algo que acolhe e agrega;

Na praça externa há o atelier do escultor romeno Brancusi (Romênia 1876 - França 1957), que fez trabalhos como Le Baiser.

E há também, ao lado do Beaubourg, um espaço para vélibs (locação de bicicleta).

Na praça há sempre apresentações artísticas e as pessoas se sentam lá para as mais diversas atividades: conversar, comer...

O Centro Georges Pompidou, se propõe, desde sempre, a acolher as artes e seres, a integrar, a fazer que a arte e a vida prática estejam juntas.

Beaubourg é um dos espaços que mais amo em Paris, sempre passo por lá, seja para apreciar as exposições, seja pra comer um panini sentada na praça, pra ver um palhaço que é habitué lá, para subir e ver Paris do terraço...

A palavra museu quer dizer "casa das musas" e Beaubourg é assim: um museu-lar, me sinto em casa quando estou nele: ele está inserido na vida, fica no centro de Paris e este Centro acolhe e coloca a Arte no dia a dia das pessoas.




A. Renard

Aucun commentaire:

Publier un commentaire